As duas línguas oficiais do Canadá são o inglês e o francês. O bilinguismo oficial é definido na Carta Canadense dos Direitos e das Liberdades. 

O inglês e o francês têm o mesmo estatuto em tribunais federais, no Parlamento e em todas as instituições federais. Os cidadãos têm o direito, sempre que houver demanda suficiente, de receber serviços do governo federal em inglês ou francês, e as minorias que utilizam um dos idiomas oficiais têm garantidas suas próprias escolas em todas as províncias e territórios do país.

O inglês e o francês são as línguas maternas de 59,7% e 23,2% da população, respectivamente, e as línguas mais faladas em casa, 68,3% e 22,3% da população, respectivamente. 98,5% dos canadenses falam inglês ou francês (67,5% falam apenas em inglês, 13,3% falam apenas francês e 17,7% falam ambas as línguas). 

A Carta da Língua Francesa faz do francês a língua oficial no Québec. Embora mais de 85% dos canadenses francófonos vivam em Québec, existem populações significativas de francófonos em Ontário, Alberta, no sul de Manitoba e em Nova Brunswick. 

Ontário tem a maior população de língua francesa fora de Québec. Nova Brunswick, a única província oficialmente bilíngue, tem uma minoria de acadianos de língua francesa constituindo 33% da população. Há também grupos de acadianos no sudoeste da Nova Escócia, na Ilha Cape Breton e nas partes central e ocidental da Ilha do Príncipe Eduardo.

Outras províncias não têm línguas oficiais, mas o francês é utilizado como língua de instrução, nos tribunais, e para outros serviços do governo, além do inglês. 

Manitoba, Ontário, Québec e Nova Brunswick permitem que o inglês e francês sejam falados nas legislaturas provinciais e que leis sejam aprovadas em ambas as línguas. Em Ontário, o francês tem um estatuto legal, mas não é completamente cooficial. Existem 11 grupos de línguas aborígines, compostas por mais de 65 dialetos distintos. Destes, apenas as línguas Cree, Inuktitut e Ojibway têm uma população de falantes fluentes grande o suficiente para serem consideradas viáveis para sobreviverem no longo prazo. Várias línguas indígenas têm estatuto oficial nos Territórios do Noroeste. O inuktitut é a língua maioritária em Nunavut e uma das três línguas oficiais do território.

Mais de seis milhões de pessoas no Canadá indicam uma língua não oficial como sua língua materna. Algumas das mais comuns primeiras línguas não oficiais incluem o chinês, italiano, alemão, punjabi, espanhol, árabe e português.