História e importância da língua inglesa

Com a expansão do império Inglês em várias direções, o idioma hoje conhecido como o Inglês começou a se tornar um importante meio de comunicação. Tornou-se uma língua unificadora na era medieval, através da união de povos germânicos, formando o que hoje conhecemos como a Inglaterra. Foi através do desenvolvimento da literatura por volta de 1500 e da necessidade de um vocabulário único usado em documentos oficiais e tratados, assim como uma linguagem de guerras e invasões, que o Inglês se tornou mais vasto e diversificado.

Anos depois, com a fundação da primeira colônia no Novo Mundo, foi então que o Inglês chegou à América. Porém, foi apenas com o Tratado de Versalhes, assinado em 1919, que o Inglês recebeu devido reconhecimento, uma vez que foi escrito em ambos idiomas – também em Francês. Assim como com ambas as Guerras Mundiais e com a necessidade de diálogo entre as diferentes nações, o Inglês foi adotado como meio de comunicação preferido.

Mais de 2 bilhões de pessoas falam Inglês no mundo atualmente, tornando-a a língua mais falada do mundo, quanto ao número de fluentes e a terceira língua, quanto ao número de nativos, antecedida pelo Mandarim e Espanhol. Considerada a Língua Franca, foi a escolhida em se tratando de assuntos científicos, náuticos e legais.

Com os avanços da mídia nos últimos anos, tornou-se imprescindível o domínio do Inglês, uma vez que textos são publicados primeiramente no idioma, antes de passarem por traduções. Ainda, as maiores multinacionais de comunicação do mundo estão localizadas em países de língua inglesa, optando por operarem dentro do idioma, buscando maior alcance de audiência.

Canadá

Primeiramente, o Canadá é um país com uma história muita rica, uma vez que foi colonizado por Ingleses e Franceses ao longo dos séculos. Oficialmente bilíngue, o país recebeu, ainda, imigrantes de todas as partes do mundo, deixando-o com uma vasta multiculturalidade.

Dentre várias cidades do Canadá, como Toronto, Vancouver, Ottawa, Quebec e Montreal, o uso tanto do Francês quanto do Inglês é ocorrência diária. Dadas as diferentes influências nestas cidades e os períodos de colonização, a tolerância das comunidades locais quanto às duas línguas tende a diferir.

Graças aos programas de imigração do Canadá, o Inglês se tornou aliado daqueles que buscam oportunidades de estudo e emprego no país, amplamente fornecidas através das províncias. Ainda que o seu propósito não seja o de imigração, cursos realizados nestas universidades e escolas se provam um grande complemento ao currículo graças aos testes de proficiência e aos diplomas oferecidos pelas entidades de ensino.

Toronto, uma cidade predominantemente universitária, é quase inteiramente dominada pelo uso do Inglês. Já Vancouver, grande polo cinematográfico e uma cidade portuária, é mais receptiva de diversas línguas, assim como as duas consideradas oficiais. As cidades localizadas nas províncias francófonas, são compostas por comunidades que têm a perpetuidade da língua francesa como grande valor passado de geração em geração, embora aceitem o uso do Inglês.

Ciência

 Com base em pesquisas lançadas pelo Departamento Linguístico da Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA) entre os anos 2014 e 2017, temos como comprovar os benefícios do aprendizado de uma segunda língua. Com cada língua aprendida, foi possível observar o desenvolvimento da capacidade cerebral em até 11%.

Outro benefício citado pelas pesquisas, é o prolongamento da juventude do cérebro através do aprendizado e prática de um outro idioma que não o nativo. É possível apontar o conhecimento de uma segunda língua como tratamento contra senilidade e demência, adiando o diagnóstico em até 6 anos, mesmo em casos que apresentam predisposição genética.

Língua do mundo       

Graças ao status de língua universal, o Inglês se tornou parte do cotidiano de todos aqueles com acesso à internet. O seu domínio é uma porta de entrada para um nível de conhecimento e desenvolvimento intelectual que vem sido elaborado desde o tempo dos Grandes Poetas e Filósofos e distribuído em massa pelas grandes plataformas da mídia moderna.

Além disso, o entendimento da língua é capaz de criar pontes entre diferentes culturas, uma vez que age como fator mediador entre povos que seriam, em outras situações, distantes e distintos.

Curso de Inglês da Québec Sem Fronteiras

O curso de inglês da Québec Sem Fronteiras é rápido e elegante, com excelente retorno sobre investimento de tempo, dinheiro e esforço, que respeita a inteligência do público adulto, destinado a treinar competências específicas de imigração, mas também de atender necessidades pontuais de aprendizado da língua inglesa ou desenvolvimento de conhecimento previamente adquirido. 

O curso é essencialmente prático e possui  uma duração variável, sendo oferecido de acordo com a disponibilidade de prazo para a sua imigração ocorrer, e para aqueles que não desejam imigrar poderá ser realizado até os níveis mais altos ou fluência na língua.

Ajudamos você a se preparar para as provas do IELTS e do CELPIP para a imigração canadense.